Etiqueta para spa de destino

Chinelos hotel

Passar alguns dias descontraídos num spa de destino, onde mãos hábeis e cuidados divinais vão tratar cada centímetro do seu corpo, é sempre uma sugestão bem-vinda. Deixamos-lhe dois conselhos: leve na mala a boa disposição e a etiqueta necessária para desfrutar, em pleno, da sua estadia num spa de destino.

Fazer a reserva. Como faria para qualquer escapadela, reserve a sua estadia num spa de destino com a máxima antecedência. Isto porquê? Uma estadia num spa deste género tanto pode ser de um fim-de-semana como pode estender-se durante uma semana inteira ou até 10 dias, o que significa que, para além de garantir o alojamento, terá de agendar todas as actividades e tratamentos de que pretende usufruir. Claro que pode sempre decidir essas coisas depois de chegar ao spa, mas corre o risco de não conseguir todas as sessões com que anda a sonhar! Aqui, a organização e o planeamento prévio é tudo!

Cancelar a reserva. Independentemente do motivo, o cancelamento de uma estadia num spa de destino deve ser feito com a máxima antecedência possível, no entanto, os imprevistos acontecem! Por isso, e para não ser apanhado de surpresa, informe-se acerca da política de cancelamento do seu spa – enquanto alguns não aplicam qualquer coima numa desistência efectuada até 48 horas antes da chegada prevista, outros são mais rígidos. 

O que levar na mala? O ambiente de um spa de destino é sempre descontraído e confortável, por isso, assim deve ser a sua roupa. Escolha peças práticas como fatos de treino e vestidos leves, sem esquecer os fatos e calções de banho! Em termos de calçado, leve um par para circular dentro das instalações, outro para exterior e chinelos para frequentar a piscina, jacuzzi e sauna! Como irá praticar várias actividades – interiores e exteriores – leve bastante roupa, para não ter de se preocupar com o serviço de lavandaria! Evite a maquilhagem e os perfumes, assim como as jóias e os relógios. A roupa de noite pode variar entre os diferentes spas de destino – enquanto alguns mantêm o ambiente casual, outros incentivam um pouco mais de glamour. Antes de ir, verifique se existe um dress code para o jantar.

A viagem. Por norma, os spas de destino estão localizados em cenários de enorme beleza natural e algo isolados, o que significa que a própria viagem será, em si, uma antevisão dos seus dias repousantes. Independentemente do meio de transporte utilizado para chegar ao seu destino, aconselhe-se com o spa antes de se fazer à estrada, alguns até disponibilizam serviço de transporte para que os clientes nem com isso se têm de preocupar! Descubra o melhor caminho, para chegar sem stress!

A chegada. Mesmo que chegue cansado e sem paciência, será recebido de braços abertos pelo staff do spa que está habituado a lidar com hóspedes que estão em “baixo de forma”... essa motivação e hospitalidade será meio caminho andado para recuperar as energias perdidas. Uma vez pousadas as malas, peça uma visita guiada ou então parta à descoberta sozinho e deixe-se contagiar pelo novo ambiente!

O dia-a-dia. Haverá tantas actividades e tratamentos para experimentar que vai querer fazer tudo, no entanto, não exagere! Não vai querer estragar toda a estadia só porque no primeiro dia fez uma caminhada de 5 km, nadou 20 piscinas e ainda conseguiu apanhar um escaldão! Comece devagar e aproveite para experimentar coisas diferentes! Se foi para o spa de destino já com um programa completo, este estará certamente bem organizado. Se não programou nada, peça os conselhos do staff, sendo que o ideal poderá até ser começar por uma espécie de consulta médica, que estes locais normalmente disponibilizam.

A saúde à mesa. Uma experiência spa também passa pela gastronomia que será, obviamente, muito saudável. As cozinhas dos spas de destino poderão oferecer ainda ementas vegetariana ou vegan, podem funcionar em regime de buffet ou à la carte, podem ter ou não bebidas alcoólicas e cafeína, por isso, antes de reservar e se esta for uma questão que o preocupe em particular, informe-se! Uma certeza terá: as sensações gastronómicas podem ser tão boas como os próprios tratamentos spa... experimente!

A essência do spa. Para usufruir a 100% dos seus tratamentos de spa, certifique-se que está tudo como deseja: um terapeuta masculino, feminino ou um que já conhece, o ambiente, a forma como está a decorrer a sessão ou executado o tratamento. Se não estiver relaxado e a sentir-se nas nuvens, é importante falar e esclarecer dúvidas... se não, qual é o objectivo de estar no spa de destino? Se não se sentir completamente satisfeito com algum aspecto da sua estadia, comunique-o na recepção.

Proibido fumar. Dada a natureza e os objectivos dos spas de destino, normalmente é proibido fumar no interior das instalações e, em alguns casos, não pode fumar ponto final, mesmo no exterior. Se esta é uma situação que o possa incomodar, pergunte antes de reservar. Veja o lado positivo: pode ser o empurrãozinho que precisa para finalmente deixar o vício! 

Outras restrições. Para manter a sua envolvente tranquila e exclusiva, a maioria dos spas de destino está limitada a adultos (a partir dos 18 anos) e não permite a entrada de animais. Recorra à política específica do seu destino para não se ver frente-a-frente com situações mais delicadas e inesperadas.

Novas tecnologias. A ideia é fugir delas, por isso, o ideal é mesmo deixar telemóveis, PDAs e portáteis em casa. No entanto, sabemos o quão difícil é viver sem essas ferramentas de comunicação nos dias que correm, por isso, se vieram na sua bagagem, faça questão de lhes dar uso apenas na privacidade do seu quarto, para não disturbar os outros hóspedes.

 Convívio. Todos os hóspedes procuram o mesmo quando marcam um programa num spa de destino e não estranhe se encontrar pessoas que estão lá sozinhas. Acima de tudo encontrará uma comunidade voltada para um lifestyle assente na saúde, no bem-estar, no desenvolvimento e crescimento pessoal. Será muito fácil conviver com os outros hóspedes graças à participação nas diferentes actividades, na hora das refeições ou até nas zonas de lazer e de descanso do spa. Mas atenção, nada de conversas sobre o mundo agitado “lá fora” e os problemas do quotidianos… pense e fale positivo! Por outro lado, há que respeitar o silêncio – mantenha um tom de voz agradável – e tenha em conta que algumas pessoas possam não querer conversar ou fazer amigos, mas sim desfrutar da sua estadia simplesmente. Estão no seu direito, assim como você! 

Amigo do ambiente. O coração dos spas está no seu conceito de wellness e no equilíbrio entre corpo, mente e alma, por isso, também a saúde do ambiente é uma prioridade. Nesse sentido, o seu spa de destino pode ter um programa de reciclagem, pode pedir contenção no uso de água e de toalhas e, claro, deve manter todos os espaços do spa tal como os encontrou – impecáveis! E isto também se aplica no exterior, nada de deitar lixo para o chão aquando das caminhadas ou passeios de bicicleta! Respeite a Mãe Natureza.

Gorjetas, sim ou não? Ora este é um assunto que diz respeito unicamente a si. Já é costume dar gorjeta ao porteiro, depois de carregadas as malas e, se quer compensar o seu terapeuta ou terapeutas de forma particular, tem a liberdade de o fazer, mas faça-o sempre com a máxima discrição.

A sua votação: 

Artigos relacionados